29 de novembro de 2007

Hora do banho

Fim de semestre. Loucura, pânico, desespero, 967.426 trabalhos e provas para o mesmo dia. "Nada como um belo banho para relaxar", já diriam os comerciais. Go banho, pega a toalha no varal, roupa, sabonete. Hum, sabonete. Me deparei com duas caixinhas, uma amarela e uma rosa. Daí, a neurótica por letrinhas resolveu ler:

Lux Luxo Pink Fashion

Pink não é uma cor... É uma atitude! Lux te convida a ser mais pink todos os dias e entrar para o mundo que celebra os prazeres de sentir-se bela.

Modo de uso: Corra para debaixo do chuveiro e sinta uma explosão pink de perfume e feminilidade com este sabonete pink de beleza.

Atenção: Risco de encantar o mundo com excesso de feminilidade e atitude.

Medo de sair cor-de-rosa debaixo do chuveiro. Ainda mais eu que não simpatizo muito com a tal da cor. Tá, né, qual é o outro então?

Lux Luxo Brilhe! (sim, com ponto de exclamação no final)

As luzes se apagam, silêncio! Neste momento emocionante, você dá o seu primeiro passo no palco e surge um foco de luz gracioso. Um sabonete cintilante, que ao tocar sua pele com o brilho dos cristais e gotas hidratantes, provoca um aplauso silencioso. Divirta-se com a sensação luminosa e sinta-se admirada por todos.

Modo de uso: Para cintilar o mundo: corra agora mesmo para debaixo do chuveiro e vista seu corpo com este brilhante sabonete de beleza!

Atenção: Risco de maravilhar todos os homens ao seu redor e cegar outras mulheres.

Alguém me explica o que é aplauso silencioso? Imaginei a cena: abro o chuveiro, a água ali, quentinha, gostosa, relaxante. De repente, as luzes se apagam. Silêncio. A água começa a ficar gelada. Faltou luz. Dou o meu primeiro passo para fora do box e um foco de luz, fraco e gracioso, surge. É uma lanterna, provavelmente a CEEE arrumando a rede elétrica no poste da frente da casa. Eu, ainda com o sabonete amarelo na mão, espero o fim do conserto da rede para que eu possa terminar meu belo banho. A luz volta e eu bato palmas para comemorar, sem som algum, afinal eu estou com o sabonete cintilante amarelo nas mãos, e como sabonetes têm fixação por se atirar no chão, todo cuidado é pouco. E eu volto para debaixo do chuveiro, porque eu não quero ser admirada por todos, que no caso deveriam ser os caras da CEEE.

O sabonete amarelo cintilante tem um cheiro enjoativo de coco com sei-lá-eu-o-quê. E entre sair do banho parecendo bala de festa infantil e correr o risco de sentir uma explosão pink em pleno banho, optei pelo rosa mesmo.

Até agora eu continuo branquela. Ainda bem.

6 comentários:

Chai disse...

Nossa!O poder de um mero sabonete é surpreendente!

"Risco de maravilhar todos os homens ao seu redor e cegar outras mulheres"

ahaha!

Ricardo disse...

Haha, muito bom! Viva a publicidade \o\

Carla disse...

Em 1º lugar eu nunk tinha lido essas coisas na caixinha do sabonete, mas fala sério q coisa boba, neh??
hahahaha

Mas fala serio, tu eh muito criativa, hein?
Imaginar a CEE entrando no banheiro!!!
hahaha

E os aplausos silenciosos!!!
Sem comentários!!!

Si disse...

aplausos silenciosos pra ti fabi! ahuahuahuahuahu

minha mae tva perguntando pq eles se dão ao trabalho de escrever td isso se ngm le...

poisehh ngm le o modo d uso das coisas neh?? :P ahuahuahuahu

bjooooooooo

cintilante disse...

hahaahahahahahahaha
sorry pela invasão mas me diverti muito lendo esse teu post :D

cintilante disse...

gracias mil, srta!
.
continuemos então
a passar de lá pra cá
pois tbm escrevemos para os dedos dos outros, não?

;)