29 de outubro de 2007

Caminhos verdes do Bologui

Não, o título não tem nada a ver com nada. Estava eu aqui, pensando em um título pro post e, na sala ao lado, alguém disse "Caminhos verdes da serra". Como eu tava pensando em rumos e afins, foi esse mesmo. Afinal, esse é o lugar de escrever devaneios, e devaneios não precisam fazer sentido... Saca?

Enfim... Tudo isso pra dizer que eu não sei mais o que fazer desse blog. Na realidade, o que eu pretendia fazer (falar sobre os cds que eu ouvi nesse ano, coisa que eu realmente gosto) eu me sinto um tanto insegura pra colocar aqui. Ou não. Tudo é uma questão de inspiração e de modem novo no meu computador.

Em suma (encarnando meu pai), hora de atualizar. Próximo post, os primeiros cds desse ano que eu ouvi, com toda a parafernália que eu já comentei aqui. E acho que vou aproveitar meu ano culturalmente rico e comentar com meu cérebro doente. Ou não. Bem, daí eu explico, espero estar mais inspirada até lá.

Ouvindo meu cérebro. Nele toca One, Two, Three, Four - Feist. =P

4 comentários:

Diego disse...

Hehehe é realmente as coisas não precisam fazer muito sentido não... Concordo plenamente contigo.
Abraços....

LeandrU LimA disse...

Principalmente em um Domingo Parado =P
auhauhahuahuahuha
(Hoje)
Achei interessante seu blog, to começando um novo, segunda começo firme e forte nele...
E Ah! Sou o Leandro De Londrina no Paraná. =P

Beijos

Otimo Domingo!

Liss... disse...

devaneios, cérebro doente...
por um momento pensei que eu tinha feito esse post...

bjo negaaaaa

ah! e que os caminhos do bologui continuem verdes!!!

Ricardo disse...

muito verdes!


(L)